Qualiwatt - Eletrônicos com Qualidade e Potência | Dicas e informações - Fonte Renovável

Dicas e Informações

Você está localizado em: Home » Dicas e Informações - Fonte Renovável
Compartilhe

Fonte Renovável

A revolução silenciosa da energia solar no Brasil

Autor: Marco Antonio Mroz

As fontes de energia tradicionalmente utilizadas são, em sua maioria, formas indiretas de energia solar. A utilização direta da radiação solar ganha na atual conjuntura mundial grande relevância, principalmente quando se projeta sua utilização como fonte de energia térmica para aquecimento de fluidos e ambientes e para a geração de potência mecânica ou elétrica.

No Brasil e no Estado de São Paulo, esses números chegam, respectivamente, a invejáveis 45,5% e 55,1% com tendência a aumentar a participação de renováveis em sua matriz energética. Nesses dois casos é evidente a importância da energia hidroelétrica e dos produtos provenientes da cana de açúcar.

No Brasil, os três níveis de governo vêm regulamentando o setor e criando incentivos para geradores e compradores de energia solar, fortalecendo o setor elétrico brasileiro e a indústria nacional. Dentre essas iniciativas cabe ressaltar, no âmbito legal municipal, a obrigatoriedade, dentro de determinadas condições técnicas, da utilização de coletores solares de água em edificações.

No Brasil, os três níveis de governo vêm regulamentando o setor e criando incentivos para geradores e compradores de energia solar, fortalecendo o setor elétrico brasileiro e a indústria nacional. Dentre essas iniciativas cabe ressaltar, no âmbito legal municipal, a obrigatoriedade, dentro de determinadas condições técnicas, da utilização de coletores solares de água em edificações.

No âmbito estadual, o Convênio ICMS 101/1997 e suas prorrogações, que concedem isenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços - ICMS nas operações com equipamentos e componentes para o aproveitamento da energia solar, aprovada pelo Conselho Nacional de Política Fazendária - Confaz. Atualmente essa isenção está prorrogada até 31 de dezembro de 2015 (Convênio ICMS 75/11).

Na esfera federal está sendo formado um arcabouço legal para viabilizar a geração com fontes renováveis, como as Resoluções Normativas da Agência Nacional de Energia Elétrica - Aneel no 77/2004, que estabelece os procedimentos vinculados à redução das tarifas de uso dos sistemas elétricos de transmissão e de distribuição, para empreendimentos com base em fonte solar, e a no 482/2012, que estabelece as condições gerais para o acesso da microgeração e minigeração distribuída aos sistemas de distribuição de energia.

 

Com o custo da energia solar decrescendo em todo o mundo e os avanços tecnológicos constantes, o preço de energia fotovoltaica em muitos lugares já está sendo competitivo. Quando fatores não tangíveis, como emissão de gases de efeito estufa e outras variáveis ambientais, são considerados, há uma revolução silenciosa ocorrendo em escala crescente, e os empresários já se preparam e produzem energia solar para autoprodução e exportação para as redes. No Brasil ainda estamos engatinhando. Começamos a entender que energia boa não é aquela necessariamente barata, como querem alguns setores fósseis da sociedade que pertencem ao século XIX, e sim aquela que se coaduna com o conceito social, ambiental e econômico do desenvolvimento sustentável.

 

Veja também!

07/01/2013 - Eficiência energética como medida de sustentabilidade
07/01/2013 - Residências com instalações elétricas precárias recebem serviço gratuito
Tel. +55 (16) 3214-4378 | email: vendas@qualiwatt.ind.br
Horário de funcionamento:
Segunda - Quinta: 7h às 17h | Sexta: 7h às 16h.

Newsletter

Receba as novidades da Qualiwatt em seu e-mail!

2019 - www.qualiwatt.ind.br - Todos os direitos reservados.